Notícias:

19

Consumidores avaliam vinhos e espumantes da Peterlongo

Desde que a Vinícola Peterlongo, de Garibaldi (RS), deu início a um amplo processo de reposicionamento da marca – trabalho que iniciou em 2002 com a nova direção e que foi intensificado ano passado com a contratação do enólogo francês Pascal Marty -, o grande desafio sempre esteve voltado a revitalizar toda linha de produtos para atender tanto o consumidor brasileiro como o mercado externo. Uma das ações deste ambicioso projeto é o Tasting Peterlongo, que teve sua primeira edição no sábado, 13, reunindo mais de 50 pessoas numa degustação às cegas que teve o objetivo de saber quais as impressões desses consumidores em relação a seis rótulos que foram submetidos à apreciação do público.
 
Além de dar voz ao consumidor, a Peterlongo aposta na ação como mais uma experiência diferenciada ao público apreciador de vinhos, seja sommeliers, enólogos, enófilos, membros de confrarias ou leigos no assunto. “Vamos reunir pessoas que têm em comum o gosto pelo vinho, mas que estão dispostas a compartilhar uma vivência que foge o tradicional e que valoriza o trabalho do enólogo. Ou seja, vamos unir a técnica da degustação com a socialização da bebida, porém de um jeito leve e até divertido”, destaca Marty, que contou com a companhia da enóloga responsável pela Peterlongo, Deise Tem-Pass.
 
Cada um dos seis produtos foi degustado às cegas por todos os participantes ao mesmo tempo. As notas foram registradas por cada degustador em uma ficha de degustação que segue os padrões da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV). Ao final, essas fichas foram recolhidas e as notas computadas. “Queremos saber qual é a opinião do consumidor. O resultado sempre será motivo para novos encontros”, afirma o sócio diretor da vinícola, Luiz Carlos Sella. A ideia é avaliar outros espumantes, sempre contemplando produtos exclusivos, ainda não lançados. A programação encerrou com a boa música do Acústico Três Quartos.
 
Os produtos

Entre os seis rótulos colocados à prova, dois ainda não estão no mercado. Trata-se dos vinhos Armando Memória Touriga Nacional e Armando Memória Teroldego, ambos com previsão de chegar à mesa do consumidor em fevereiro. Completaram a degustação o Armando Memória Tannat e o Terras Sauvignon Blanc, além dos espumantes Presence Brut e Presence Moscatel Rosé.
 
A degustação demonstrou que os espumantes são os preferidos dos apreciadores. O mais pontuado entre os avaliadores foi o Presence Moscatel Rosé com 92 pontos, seguido pelo Presence Brut com 86 pontos. Os vinhos Armando Memória Teroldego e Touriga Nacional e o Terras Sauvignon Blanc vieram na sequência com 85 pontos e o Armando Memória Tannat com 84 pontos. O resultado foi considerado positivo pela empresa, tanto que o 2º Tasting Peterlongo já está sendo organizado pela vinícola.
 

Vídeos do YouTube:

Confira nosso canal

Parceiros:

Parceiros de mídia:

Hotel Oficial:

Montadora:

Realização:

Estamos aguardando você na
Envase Brasil. Faltam ainda:

120

dias

20

horas

20

minutos

20

segundos

Venha para a Envase Brasil e
faça o seu negócio girar.